Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Triptofano

O teu aminoácido essencial!

Yankee Candle

30.09.19, Triptofano!

Uma das grandes vantagens de viajar durante um período alargado de tempo com outra pessoa é o facto de podermos passar a conhecer detalhes sobre ela que de outra forma talvez nunca tivéssemos oportunidade.

E basicamente foi o que aconteceu nesta viagem à Colômbia, onde o facto de estarmos praticamente 24 horas juntos, fez com que eu e as duas moças que me acompanharam nesta aventura partilhássemos tudo e mais alguma coisa.

Desde sonhos para o futuro, relacionamentos falhados, a melhor forma de fazer a chuca antes do sexo anal, ralações com o emprego, dissertações filosóficas sobre como utilizar as stories do Instagram, tudo foi abordado.

E uma das coisas que me ficou na memória, uma coisa talvez não tão importante como atingir mais rapidamente o orgasmo enquanto se espera que o verniz das unhas dos pés seque mas que me ficou a bailar no imaginário, foi a história de uma das minhas amigas, que nasceu nos Estados Unidos da América, sobre a visita dela em criança à fábrica das Yankee Candles.

Para quem possa não saber uma Yankee Candle é uma vela aromática que tem a vantagem de durar mais tempo que as velas tradicionais e que queima de uma forma mais graciosa, mas cuja principal diferença para mim são os cheiros.

Existem os tradicionais, como eucalipto ou lavanda, e os ligeiramente abstractos, como o Passeio Assombrado ou o Polo Norte.

Enquanto a minha amiga contava-me deliciada como fora entrar em criança na fábrica e ser devorada por um tsunami de aromas, eu puxava pela cabeça para saber onde tinha enfiado as Yankee Candle que tinha comprado há um par de anos.

Quando cheguei a Portugal descobri, perdidas no canto de uma gaveta, três destas preciosidades: uma de limão, outra de azeitona e tomilho, e uma apelidada de Dia de Casamento.

Yankee Candle Sicilian Lemon - Yankee Candle de Limão

Yankee Candle Olive and Thyme - Yankee Candle Azeitona e Tomilho

Yankee Candle Wedding Day

Honestamente não sei o que é que me deu na altura para comprar uma vela que cheira a Dia de Casamento, talvez tivesse esperança de a acender no dia em que casasse com o Cara-Metade, mas como parece que não vai ser nos próximos 10 anos que vamos ter fundos para contratar a Ana Malhoa (condição obrigatória para a realização do casório) decidi que era altura de sentir o cheiro da bicha antes que ela ganhasse bolor ou coisa do género.

A vela tem um odor muito suave, e o engraçado é que enquanto o Cara-Metade detectou as notas cítricas o meu olfacto deteve-se no cheiro abaunilhado proveniente da fava tonka.

A Yankee Candle Wedding Day pode fazer lembrar um casamento, principalmente aqueles onde os noivos compraram tantas flores que até tiveram de fazer um crédito com uma daquelas financeiras que aparece na televisão, mas eu diria que a sua principal força é ser incrivelmente adequada para um casamento ou outro tipo de celebração.

Isto tudo porque é de uma subtileza que enche o espaço e as narinas, mas sem se tornar o centro das atenções nem espoletar nenhum ataque de asma daqueles que mandam uma pessoa uma semana para os cuidados intensivos.

Além disso, é a prenda ideal para oferecer aos convidados de um casamento.

Em vez de se oferecer aquele charuto que deixa uma sensação horrivelmente amarga na boca, ou o cestinho de missangas que a prima em terceiro grau insistiu em fazer porque tem imenso jeito para manualidades, uma vela da Yankee Candle é a melhor aposta.

Toda a gente gosta de velas, nem que seja para fazer umas coisas mais kinky com a cera, e até é possível fazer uma sondagem umas semanas antes para perceber se é tudo corrido com o mesmo cheiro ou se cada pessoa recebe um aroma personalizado consoante os seus gostos!

Yankee Candle Wedding Day

E vocês, já alguma vez compraram uma Yankee Candle? Qual é o vosso cheirinho preferido?

Comentar:

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.