Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Triptofano

O teu aminoácido essencial!

Na Pele do Triptofano: Luva de Crina de Cavalo

16.07.19, Triptofano!

Há quem defenda que para ser-se belo é preciso sofrer, e há as pessoas masoquistas que utilizam luvas de crina de cavalo.

Como o nome indica, uma luva de crina de cavalo é uma luva feita a partir de fios de crina de cavalo e de fibras de esparto (uma planta qualquer fofucha à qual eu nunca tive o prazer de ser apresentado), que é utilizada como exfoliante mecânico.

As vantagens da utilização desta luva são as mesmas que as dos outros exfoliantes mecânicos - eliminar as impurezas e as células mortas que estejam na superfície da nossa pele, estimular a circulação sanguínea e a renovação celular, potenciar a absorção de activos provenientes de produtos dermocosméticos - com o bónus de ser virtualmente eterna, ou seja, vai durar durante anos e anos e anos, acabando por ser um óptimo investimento! (se a usarem claro!)

Há quem defenda que esta luva também é fantástica para a celulite, devido aos seus efeitos drenantes, mas relativamente a isso torço mais o nariz e acho que se é para isso que a estão a comprar não o façam. Há outros tipos de luvas mais apropriadas para esse efeito!

Na Pele do Triptofano: Luva de Crina de Cavalo

Prós e Contras

Tenho uma luva de crina de cavalo a decorar a minha casa-de-banho há anos.

E digo decorar porque raramente a uso, no máximo dos máximos de duas em duas semanas, sendo que há meses que olho para ela mas não me atrevo.

Tudo porque dói.

Não consigo compreender como é que nas 50 Sombras de Grey a moça não foi toda exfoliada com uma luva destas. Aposto que ia sofrer mais do que com umas reguadas na bunda.

Como eu sei que vocês merecem tudo, hoje enchi-me de coragem e utilizei a luva para dar-vos um feedback o mais verdadeiro e actual possível!

Prós

Rende mais que um cosmético. Enquanto que um exfoliante em creme gasta-se no espaço aproximado de seis meses (ou fica rançoso caso o deixemos durante dois anos a apanhar mofo na prateleira), esta luva é um amor para a vida toda.

O formato de luva é extremamente prático. Enquanto que nos cosméticos a probabilidade do exfoliante cair-nos no chão da banheira enquanto tentamos tirar as peles mortas das costas ser mais que muita, com a luva basta conseguirmos ter flexibilidade suficiente para lá chegarmos.

Exfolia a sério. Não posso dizer que é daqueles produtos que diz que vai fazer mundos e fundos e depois quando se vai a ver é um embuste. Esta luva tem uma verdadeira exfoliação mecânica, mas por favor, usem-na sempre com a pele húmida. De outra forma em vez de exfoliar vão acabar em pele viva.

É boa para os adeptos do BDSM. A luva dói, arranha, irrita, essas coisas todas. Mas em certas partes do corpo até é uma dorzita boa, chegando a fazer algumas cócegas engraçadas. Aconselho a quando estiverem a sentir-se especialmente kinkys.

Contras

Não é uma experiência cosmeticamente agradável! Se gostam de cheirinhos e texturas e sensações que vos façam sentir que estão a saltar em cima duma nuvem, esqueçam! Com esta luva não há cá floreados.

A pele fica irritada. A não ser que tenham uma pele incrivelmente espessa o mais provável é ficarem com a pele ligeiramente irritada depois da exfoliação. Recomendo vivamente o uso de um bom creme hidratante após a utilização da luva, sendo que também não a usaria mais do que duas vezes por mês. Porém, para quem consiga aguentar, é possível usar semanalmente!

Não está aconselhada para a pele do rosto, ou pelo menos eu nunca usaria no rosto, mas isso fica ao critério de cada um.

A exfoliação é apenas mecânica. Tendo em conta os diferentes tipos de exfoliantes que existem no mercado, exfoliar apenas mecanicamente acaba por ser uma opção redutora.

O Veredicto Final

Na Pele do Triptofano: Luva de Crina de Cavalo

A luva de crina de cavalo é aquele tipo de produto que uma pessoa não ama de morte mas também não se pode queixar a dizer que não sabia no que se estava a meter.

Se faz uma boa exfoliação mecânica? Faz sim senhor. Se deixa a pele irritada? Também deixa, mas uma pessoa basta tocar na luva para perceber que isso vai acontecer.

É como estarmos perante uma data de silvas: obviamente que vamos ficar todos picados se nos atirarmos para cima delas! (e se acharmos o contrário é porque andamos a fumar coisas talvez não muito legais..)

 

E vocês, já usaram alguma vez esta luva? Gostam, não gostam, ficaram sem pele da única vez que tentaram usar?  Contem-me tudo!

30 comentários

Comentar post

Pág. 1/2