Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Triptofano

O teu aminoácido essencial!

Na Pele do Triptofano: Azzaro Chrome Pure

09.12.20, Triptofano!

Com a vinda transitória para a casa dos meus pais, enquanto as obras na minha casa nova não terminam (e parece que estão para durar até pelo menos o início de 2021), fui obrigado a fazer uma selecção apertada dos produtos de cosmética que trouxe comigo, de forma a não correr o risco da minha mãe stressar-se com 287 embalagens e atirar tudo pela janela fora.

Trouxe um creme de dia, um creme de noite, um contorno de olhos, um sérum, um produto de limpeza facial, um desodorizante e claro, um perfume.

Na altura da escolha da fragrância olhei simplesmente para o tamanho das embalagens, e a grande vencedora foi a Azzaro Chrome Puro.

Na Pele do Triptofano: Azzaro Chrome Pure

Uma fragrância fresca, com toques de especiarias e amadeirados, este Azzaro Chrome Puro é simplesmente delicioso, com as suas notas de topo de tangerina e bergamota, o seu coração com notas aquosas, de flor de laranjeira e de uma molécula sintética de seu nome akigalawood, que lembra o patchouli, além das notas de fundo onde se encontra a fava tonka, o mate, o almíscar branco e o cedro.

Só para não haver dúvidas o perfume é muito bom, aguenta imenso tempo na pele e foi realmente uma boa escolha para este período de confinamento parental, só que a publicidade dele é que pronto, podia ser ligeiramente melhorada.

Isto porque todo o story telling deste Azzaro baseia-se na pureza das emoções, especificamente no inesquecível sentimento que provém da ligação entre pai e filho, que se traduz  numa autêntica explosão de felicidade.

Claro que para um público mais, digamos, progenitor, esta forma de comunicar até pode funcionar maravilhosamente bem, mas tenho de confessar que eu não me revejo.

Primeiro porque pureza não é verdadeiramente a palavra que me define melhor. Se fosse badalhoquice ou mais folheado que as páginas amarelas, talvez estivesse mais perto da realidade, agora pureza e eu não é de todo um match.

Em segundo lugar o facto de apelar a uma ligação entre pai e filho, e o que eu tenho mais perto disso é quando passo longas horas a conversar com o Macaco José. Quando janto com ele. Quando morremos de tédio a ver o Big Brother Revolução. Quando o aconchego na caminha e digo para ele não dar tantos peidos que uma pessoa acorda a meio da noite assim para o asfixiado. Só que então o perfume devia ter notas de coração de banana ou as de fundo evocarem o restaurante do IKEA, em vez da tangerina e da fava tonka.

Na Pele do Triptofano: Azzaro Chrome Pure

E vocês, qual seria a palavra que vos definiria melhor e gostariam de encontrar na publicidade de um perfume?

 

Comentar:

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.