Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Triptofano

O teu aminoácido essencial!

Mudem sem mudar!

06.05.19, Triptofano!

Para mim, generalizando e simplificando, existem dois tipos de pessoas no mundo.

 

Há aquelas com o coração no sítio certo, que apesar de não serem perfeitas e terem defeitos como qualquer ser humano, são pessoas transparentes, verdadeiras, empenhadas em mudar o mundo, nem que seja um bocadinho de nada de cada vez.

 

Mas é assim que o mundo realmente muda para melhor, uma boa acção, um sorriso, um abraço, uma palavra de cada vez.

 

Depois existem as outras, que em algum momento da sua existência esqueceram-se que isto aqui é só uma passagem, que é apenas e somente um momento efémero, e que a felicidade individual nunca pode ser maior do que a alegria do grupo, por mais que se acredite que sim.

 

São essas pessoas que tem rancor, que não medem palavras, que gostam de ter as mãos cheias de pedras, que pensam que se elevam ou ganham mais razão humilhando os outros, ofuscando-lhes o brilho, deixando-as sem oxigénio.

 

Não posso pedir a quem se insere no segundo grupo que mude, porque essa mudança interna só funciona verdadeiramente se partir de dentro, mas peço com todas as moléculas do meu ser que quem pertence ao primeiro mantenha-se inalterado.

 

Eu sei que há dias de merda, injustiças, palavras que magoam.

 

Há momentos que nos ficam marcados para sempre, olhos marejados de lágrimas que engolimos para dentro, revolta por darmos tanto e recebermos tão pouco de volta.

 

Por vezes apetece desistir de tudo, não ajudar, não querer saber. Parece que independentemente do melhor que tentarmos ser só recebemos facadas nas costas.

 

Mas não mudem, ou melhor, mudem sem mudar!

 

Mantenham a vossa essência inalterada, a vossa luz, a vossa alegria, a vossa verdadeira dedicação ao outro e a tornar o mundo melhor.

 

Mas vão descobrindo, às vezes da pior forma possível, quem é merecedor da vossa pessoa, do vosso tempo, das vossas palavras, do vosso sorriso.

 

E mudem de companhias, mudem de trabalho, mudem de vida se for preciso, mas não mudem a melhor parte de vocês, aquela parte inimitável e inconfundível.

 

Às vezes é assustador sair da zona de conforto mesmo que ela já não nos dê felicidade, mas lembrem-se, não existe eclipse algum que possa esconder a luz de uma verdadeira estrela para sempre!

11 comentários

Comentar post

Pág. 1/2