Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Triptofano

Como ser 20% mais feliz?

22
Ago18

Happy


Não vou esconder. Fui ao Happy pelo Zomato Gold e pelos gelados de alheira.

O Zomato Gold não teve qualquer problema mas afinal os gelados eram "gelados".

Mas já lá vamos.

 
Existe uma nova cena gastronómica a nascer na Amadora e, ou muito me engano, ou daqui a dois anos vai ser um dos locais fortes da área metropolitana de Lisboa no que toca a restauração. O Happy faz parte de um grupo inicial de restaurantes desbravadores de caminho, e foi com entusiasmo que o fui conhecer, juntamente com o cara-metade e um casal amigo.
 
Já sentados, recebemos um menu que - achava eu - era de um Happy que tinha aberto há poucos dias. Pessoalmente considero que o seu grafismo não se enquadra no tipo de restaurante que o Happy pretende ser. 
Só que por outro lado, depois de no fim da refeição ter trocado umas palavras com o Chef, fiquei na dúvida se o Happy não estaria a passar por uma crise de identidade. Ali entre o vou ser diferente e mudar a zona onde me insiro e o ai não deixa-me estar sossegado e fazer o que eu acho que as pessoas querem!
 
Mas falemos de comida.
 
O couvert, simples mas irrepreensível, deixa brilhar bem o seu presunto que é uma verdadeira delícia.
 
Para entrada, pedimos camarões crocantes. Não havia. Pedimos então espetadas de frango. Não havia.
 
E se há coisa que mais me deixa frustrado é depois de ficar quinze minutos a decidir o que vou comer (sim sou uma pessoa extremamente indecisa em certos dias do ano) dizerem-me que afinal não há!
 
Nem vou pedir que usem o sistema de cruzinhas ou bolinhas ou smiles com caras tristes no menu, basta que o empregado no momento de sentar os clientes à mesa informe o que há e o que está indisponível!
 
Vieram então para a mesa umas asinhas de frango com molho barbecue que não desiludiram, chamuças com um recheio muito saboroso e os tão aguardados gelados de alheira.
 
Só que eram "gelados", porque na realidade de gelado apenas o formato, com um cone bem executado (mas ligeiramente mole em pelo menos um deles) e uma maionese agridoce a acompanhar uma pequena porção de alheira!
Confesso que foi uma machadada dura no meu imaginário onde me visualizava a lamber extasiado uma bola fria com sabor a alheira.
 
Seguiu-se a perdição do cara metade, um prego em bolo do caco de bochechas de porco confitadas a baixa temperatura. Estava tão bom que foi difícil conseguir que ele me deixasse experimentar um bocadinho minúsculo.
 
Para mim veio um bitoque de lombo de atum fresco, delicioso, bem confeccionado, com um molho de elevada qualidade capaz de acompanhar a nobreza da peça do lombo de atum.
 
Ainda provei o polvo assustado, que apesar de estar bem cozinhado, pecava por algum excesso de gordura na combinação do prato.
 
O que pessoalmente não me agradou (e isto é o meu gosto pessoal atenção) foram as decorações dos pratos.
Que sim podem mostrar talento e versatilidade e tudo e tudo e tudo, mas para mim só causam barulho visual. É suposto passar o dedo e lamber as decorações? Elas acrescentam algo na palete de sabores? Não consigo deixar de sentir que este tipo de apresentação possa ter sido um must-have há 10 anos atrás, mas nos dias de hoje não faz sentido!
 
Deixei o Happy não muito happy mas mais com um sentimento de pena, porque se ignorar a desilusão relativa aos gelados a comida é muito boa e o potencial está lá.
 
Só que um serviço com uma empregada simpática mas sem aquele entusiasmo que cativa o cliente, juntamente com um tempo de espera injustificável por uma sangria de espumante (que por sinal estava muito boa) e uma quase intoxicação por um produto de limpeza insuficientemente diluído que usaram para limpar a mesa ao lado enquanto estávamos a comer, mais os detalhes que referi anteriormente, fizeram que uma refeição que podia ser memorável não o tenha sido.
 
Mas hei-de voltar, nem que seja para experimentar a sangria de cerveja, coisa que eu, pessoa que vive debaixo de uma pedra, nunca tinha ouvido falar! 
 
 

Happy Comida Caseira

 

Happy Comida Caseira

 

Happy Comida Caseira

 

Happy Comida Caseira

 

Happy Comida Caseira

 

Happy Comida Caseira

 

Happy Comida Caseira

 

Happy Comida Caseira

 

 
 

Happy Comida Caseira Menu, Reviews, Photos, Location and Info - Zomato

3 comentários

Comentar post

Mais sobre mim

foto do autor

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2017
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D