Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Triptofano

Como ser 20% mais feliz?

26
Mar18

Há Sushi na Fábrica


Existem modas que apareceram com alguma força mas rapidamente foram esquecidas.

O ceviche, o poké, os restaurantes de fondue, todos eles tiveram o seu pico mas depois gradualmente foram perdendo o seu ímpeto até serem quase ou totalmente esquecidos pelo grande público.

 

Mas o sushi veio para ficar.

Por mais anos que passem acredito que o amor ao sushi não vai desaparecer assim tão facilmente. Podem relacionar o consumo do mesmo ao aumento de H.pylori no estômago, a um excesso de metais pesados no organismo, à contaminação cruzada por antibióticos, ou a tantas outras coisas que já ocuparam folhas e folhas de revistas e jornais que, quem gosta deste tipo de culinária japonesa, como eu, vai manter-se fiel durante uma longa temporada, mesmo que outras modas vão periodicamente aparecendo no panorama alimentar.

 

É este meu amor por sushi que me faz sempre procurar novos locais. Apesar de ter os meus favoritos aos quais recorro quando quero ter uma refeição segura, pressigo sempre aquela sensação de surpreendimento e deslumbramento do palato que por vezes certos restaurante me dão a felicidade de obter.

 

Como há uns posts atrás relatei, fui a um Escape Game no LxFactory. E o que é que ficava mesmo ao lado do Escape? O Sushi Factory, um restaurante que já várias pessoas me tinham falado, como se fosse o último reduto no mundo para comer arroz e peixe cru de qualidade.

 

No Sushi Factory há duas opções, ou pedir à la carte ou pedir o all you can eat, que promete que vamos sair a rebolar com sushi.

 

E na verdade saí; não me posso queixar da quantidade que me foi servida nem da qualidade. O sushi era fresco, bem confeccionado, com uma apresentação irrepreensível e bastante variadade. Até aqui tudo bem, os sabores eram equilibrados e havia uma ou outra surpresa que fizeram as minhas papilas gustativas cantar de alegria.

 

Só que podia ter saído ainda mais a rebolar. Não fosse o meu estômago ter tido tempo suficiente para dar informação ao meu cérebro de que estava cheio, visto que o tempo entre cada prato de sushi que vem para a mesa ainda é assim para o grandito. E claro que eu percebo que é um negócio, e obviamente que se conseguirem com que o cliente fique saciado mais depressa maior é a rentabilidade que vão ter. Mas eu não gosto de esperar muito tempo por comida, especialmente quando não vejo razões logísticas para isso acontecer.

 

Se fosse apenas este detalhe o Sushi Factory teria ficado na minha lista de restaurantes preferidos, mas houve mais duas coisas que me fizeram comichão durante o jantar.

 

Primeiro a música. Já é mau quando vamos a um bar e temos de gritar para ser ouvidos por pessoas que estão a menos de meio metro de nós. É inadmíssivel quando isso acontece num restaurante. Ainda por cima num restaurante amplo e de grandes dimensões como é o Sushi Factory.

 

Em segundo o serviço. Sim senhor que fomos bem atendidos, que todos eram muito simpáticos, mas, apesar de achar que independentemente do preço que pagamos o atendimento deve ser impecável, quando a conta é um pouco mais alta também estamos à espera que as falhas sejam muito menores. Uma das pessoas que foi connosco não gostava de fruta no sushi. Após verificar que a primeira travessa vinha com fruta pediu-se que o próximo não tivesse. Que sim tudo bem. E o que é que aconteceu? Ainda veio mais fruta no sushi...Além de nos informarem que os próximos rolos tinham por exemplo abacate e atum, e quando chegavam, o abacate tinha sumido! Ah pois e tal, é que esgotou...

 

São estes pequenos detalhes que não devem acontecer em qualquer restaurante, muito menos num claramente direccionado para um segmento médio/alto. 

 

E já agora, senhores que fazem o menu, por favor retirem imediatamente aquele topping de morango extremamente artificial que me serviram, é que só está lá a fazer barulho gustativo!

 

Se eu voltava ao Sushi Factory? Estando ali pela zona voltava porque no fim de contas o sushi é de bastante boa qualidade, mas dirigir-me lá de prepósito não acredito que fosse!

 WP_20180322_21_34_54_Pro.jpg

 

WP_20180322_21_37_01_Pro.jpg

 

WP_20180322_21_57_30_Pro (1).jpg

 

WP_20180322_22_19_19_Pro.jpg

 

WP_20180322_22_34_06_Pro.jpg

 

WP_20180322_23_00_48_Pro.jpg

 

 

Sushi Factory Menu, Reviews, Photos, Location and Info - Zomato

5 comentários

Comentar post

Mais sobre mim

foto do autor

Sigam-me

Follow

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2017
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D