Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Triptofano

O teu aminoácido essencial!

Eu fui ao Sumol Summer Fest

09.07.18, Triptofano!

Ir ao Sumol Summer Fest é sentirmos-nos idosos por sermos das poucas pessoas a quem não pedem o documento de identificação para comprar uma cerveja.

 

Ir ao Sumol Summer Fest é perceber que o tráfico de droga em Portugal deve ter crescido 2000%, porque na nossa altura não era fácil encontrar erva e agora tudo o que é criança acima dos 14 anos fuma descansadamente o seu charro, ou isso ou estão a inalar óleos essenciais de louro e rosmaninho.

 

Ir ao Sumol Summer Fest é ficar com ar de cu quando o nosso sobrinho adoptado nos pede veemente para tirar uma foto com um tipo qualquer a quem ele se alapou, e que nós temos a certeza que nunca vimos na capa da Caras nem da Maria, e depois descobrimos que é um Youtuber que ganha mais por mês do que nós num ano.

 

Ir ao Sumol Summer Fest é fazer o nosso melhor para vibrar com um cartaz onde ouvimos remotamente falar de uma pessoa e o resto nem sabíamos que existiam.

 

Ir ao Sumol Summer Fest é como nos filiarmos num partido anárquico, já que constantemente ouvimos um Fuck the Police, e um bando de crianças que provavelmente todo o inglês que aprenderam foi com o Noddy a gritarem descontroladamente em resposta, agitando ferozmente ao alto os seus copos biodegradáveis.

 

Ir ao Sumol Summer Fest é como estar num comício da ONU, onde se fala de imigração, de diferenças raciais, de perseguição a minorias, tudo num tom exaltado que tem como objectivo fazer com que a nova geração se lance nos seus instagrams e tweeters com hashtags em prol da igualdade e da não violência.

 

Ir ao Sumol Summer Fest é perceber que os artistas podem ter a melhor das intenções, mas que esta juventude virtual-dependente domina o boomerang e as técnicas de edição do photoshop, mas não tem a mínima noção de política internacional nem de história de conflitos étnicos, e apesar de gritar enraivecidamente a favor dos refugiados ou de jurar a pés juntos que a vida no gueto it's the real deal, quando os papás os vierem buscar para os levarem para o conforto das suas casas, a única coisa que se vão lembrar no dia seguinte é que deviam ter caprichado mais na roupa que levaram ao festival porque aquela foto espectacular do Instagram ainda só vai com 120 likes.

 

Sumol Summer Fest

 

 

7 comentários

Comentar post