Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Triptofano

O teu aminoácido essencial!

É possível reverter a Diabetes tipo II !

23.04.19, Triptofano!

Quem costuma ler-me regularmente já percebeu que eu sou um farmacêutico que fica revoltado muito facilmente, sobretudo quando apanho utentes com crenças que não correspondem totalmente à verdade.

 

É possível reverter a Diabetes tipo II !

 

 

Uma delas é a ideia de que Diabetes tipo II é para sempre, para o resto da vida, e que não há nada a fazer além de tomar uma mão cheia de comprimidos todos os dias e suspirar com tristeza por aqueles bolos carregadinhos de açúcar que vamos ter de retirar da nossa alimentação! (quer dizer, que devíamos tirar da alimentação porque a maior parte dos diabéticos está-se a marimbar para regimes alimentares mas isso é outra história..)

 

A verdade é que a Diabetes tipo II não precisa de ser para a vida toda e é possível reverter a situação!

 

Claro que é mais fácil se o diagnóstico for recente e a pessoa ainda não tiver necessidade de administrar insulina, mas já lá vamos.

 

Primeiro que tudo o diagnóstico da diabetes não se consegue através de uma picada no dedo feita na farmácia.

 

O teste é fiável sim senhor mas apenas serve para dar algumas luzes sobre como estão os nossos níveis de açúcar.

 

Obviamente que se o resultado for 500 é provável que as coisas não estejam bem paradas, mas ter um 130 numa picada ocasional não chega para dizer que somos diabéticos. 

 

Perfeito perfeito era recorrer-se ao doseamento da hemoglobina glicada (A1C) que permite avaliar a média da glicemia nos últimos 2-3 meses, sendo que, idealmente, o seu valor deve ser inferior a 7%.

 

Quando uma pessoa é diagnosticada com Diabetes tipo II significa que o seu organismo tornou-se resistente aos feitos da insulina ou não produz insulina suficiente para manter dentro da normalidade os níveis de glicose (vulgarmente conhecida como açúcar) no sangue. (a glicose que devia entrar para dentro das células acaba por acumular-se no sangue muito por culpa da insulina que não consegue abrir as portas das células de forma a que a glicose entre!)

 

Agora é possível reverter esta situação.

 

Ter em atenção que a diabetes não tem cura mas há forma de se conseguir viver durante anos e anos com níveis normais de açúcar na corrente sanguínea sem que para isso seja preciso tomar medicação!

 

O segredo?

 

Exercício físico e alterações dos hábitos alimentares.

 

Pode parecer chocante pedir a alguém que se levante do sofá e que mude a forma como se alimenta (já quase fui agredido quando sugeri que talvez comer cinco papo secos ao pequeno-almoço pudesse não ser a melhor ideia...) mas a verdade é que resulta.

 

Estudos mostram que uma dieta baixa em calorias permite, além de perder peso, controlar sem o auxílio de fármacos os níveis de glicose na corrente sanguínea, sendo que os resultados são melhores quanto mais cedo uma pessoa se mentaliza que não vai haver nenhum milagre e tem mesmo que fazer algo por ela!

 

Só que uma dieta baixa em calorias não é algo que se consiga fazer do pé para a mão nem recomendo que alguém tente adoptar uma sem um acompanhamento médico adequado. 

 

Agora com a ajuda de um médico e um nutricionista, com bastante força de vontade e com muito exercício físico à mistura, é possível reverter a Diabetes tipo II durante bastante tempo. 

22 comentários

Comentar post