Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Triptofano

Como ser 20% mais feliz?

14
Out18

Bom Senso: Essa Criatura Mítica


Existe quem defenda com unhas e dentes a existência de sereias. Outros, garantem já terem visto cara-a-cara o Abominável Homem das Neves. Há ainda quem afirme que os unicórnios não são simplesmente cavalos vestidos para o Halloween.

 

Eu gostaria de acreditar que o bom senso não foi arremessado para a categoria de criaturas míticas, mas infelizmente as últimas notícias que tem figurado nos meios sociais retiraram-me alguma da esperança.

 

Comecemos pelo furacão Leslie.

 

Acho que foi feito um maravilhoso trabalho a tentar minimizar os danos materiais e humanos que poderiam ter sido causados por este acontecimento natural, porém, sinto que a forma como a Leslie foi anunciada parecia que ia ser o fim do mundo, que uma pessoa teria que ficar a viver num bunker durante 2 meses e nem poderia usar a aplicação do Uber Eats.

 

Da mesma forma tive a percepção que certos canais televisivos estavam ligeiramente desapontados por o drama e o horror do furacão não terem sido assim por ai além, tendo visto repórteres excitadíssimos a anunciar que os vidros duma casa tinham sido partidos quando lá por dentro tenho a certeza que eles queriam era que os vidros tivessem degolado um casal de idosos, de forma à próxima hora e meia ser preenchida com detalhes do caso, como a espessura do vidro, o ângulo a que ele foi projectado, ou se as vítimas usavam creme da Cien como hidratante.

 

Mas a maior falta de bom senso é relativa aos "desalojados" que estavam no parque de campismo. 

 

Uma pessoa deixa de ir jantar fora e fica fechada em casa com medo de levar com uma árvore em cima mas aquelas almas iluminadas achavam mesmo que as suas tendas último modelo com tecto duplo iriam resistir à intempérie?

 

É como se tivéssemos ido ao frigorífico, encontrado um iogurte com bolor mas mesmo assim tê-lo comido e ainda lambido a tampa. Acreditar que não iríamos ficar de diarreia no dia seguinte é de uma colossal ingenuidade.

 

A outra falta de bom senso gritante é o caso da portuguesa que caiu da varanda de um prédio no Panamá a tentar tirar uma selfie.

 

Sim, foi uma irresponsabilidade o que a senhora fez e que infelizmente acabou da pior forma, mas a minha indignação dirige-se mais a quem publicou nas redes sociais o vídeo da queda.

 

Já nem condeno a quem o fez, porque pronto, até pode ter sido importante para se perceber que foi realmente um acidente e não um homicídio/suicídio, apesar de achar que o ser humano cada vez está mais fascinado em registar os momentos mais escabrosos possíveis.

 

Agora quem o escarrapachou online para todas as pessoas poderem ver?

 

É que não acrescenta nada à notícia - acho que qualquer um consegue imaginar como é alguém a cair de uma varanda!!! - e foi simplesmente posto com o intuito de explorar o sentimento macabro que existe em praticamente cada um de nós, de forma a gerar mais visualizações e likes e partilhas e diabo a sete.

 

Acho que vou começar a espreitar debaixo de pedras a ver se encontro um bocadinho de bom senso para distribuir pelo mundo, é que visivelmente há uma falta gritante deste.

 

 

11 comentários

Comentar post

Pág. 1/2

Mais sobre mim

foto do autor

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2017
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D