Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Triptofano

Como ser 20% mais feliz?

27
Nov18

All I want for Christmas is… tudo o que havia na Pastelaria Batalha!


Update: Workshop Pastel de Nata na Pastelaria Batalha

 

Olá amigos do Triptofano,

 

Espero que todos já tenham tomado o pulso ao Natal que aí vem e ouvido pelo menos uma vez a música do “All I want for Christmas is…”- vocês sabem. É que neste sábado passado estive no Primeiro Lanche de Natal do Ano da Pastelaria Batalha, ali ao Chiado, e adivinhem lá…? O Triptofano não foi!!! E então, comi a dobrar. Por mim, e por ele.

 

Tenho desde já de vos dizer que se aquilo não era o paraíso não sei o que seria, a começar pela porta. Quando se chega à Pastelaria Batalha somos presenteados com uma original árvore de natal de bolos-rei. Uma ideia original que eu acredito que – a ser replicada cá em casa – não durava do pequeno almoço até à noite.

 

Pastelaria Batalha - Primeiro Lanche de Natal

 

Mas, vamos a factos. Quando se descia para o principal salão da Pastelaria Batalha, e depois da árvore de Natal de bolos-rei, esperava-nos nada mais, nada menos do que a montra inicial com as mais diversas queijadas e pastéis. As de Lisboa, as de requeijão, etc., ladeadas pelo premiado bolo rei. Se aí se pararia para pedir um refresco (clássico como eu, mantive-me pelo delicioso sumo natural de laranja), dois degraus distávamos da nobre mesa, impecavelmente posta e decorada com tudo a que um Natal em família nos concede.

 

Pastelaria Batalha - Primeiro Lanche de NatalPastelaria Batalha - Primeiro Lanche de NatalPastelaria Batalha - Primeiro Lanche de Natal

 

Filhoses, bolo brigadeiro, bolo rei, croquetes de ovo, rabanadas, sonhos, azevias de grão, tarte de amêndoa, molotof, semifrio, trouxas de ovos, lampreia de ovos, coscorões, bolo rainha, broas castelares, tronco de Natal e ainda uma outra mesa repleta de salgados!

 

Pastelaria Batalha - Primeiro Lanche de NatalPastelaria Batalha - Primeiro Lanche de Natal

 

Há, no entanto, duas coisas que não me vão sair da memória: a frescura do tronco de Natal e do bolo rei e ainda o tempo para as fotografias.

 

Pelo lado do tronco, o sabor, o chocolate no nível perfeito de açúcar, o contraste com o pão de ló (eu sei lá!) era daqueles de lamber os dedos. Quanto ao bolo rei, percebo agora porque o premiaram. Fofo e macio, bem recheado, com poucas frutas cristalizadas (como a minha geração gosta! – há por aí alguém que ame as frutas? ), enfim, um extraordinário bolo rei. Se ele já é assim, nem o consigo imaginar ao fim de 3 dias, torrado, com manteiga (sim, apontem a dica que eu aprendi por lá para experimentar em casa).

 

Mas, esperem, que eu não vos disse qual seria a segunda coisa que não me sairá da memória! E essa será, nada mais, nada menos do que o tempo! De entre tantos convidados, o mais engraçado foi que os primeiros 40 minutos do dito Lanche serviram para tirar fotografias. Até que alguém, sem vergonha vejam bem, e apesar de essa ser a vontade de todos, retira com toda a mestria uma pata de caranguejo e inicia a sua devoração atrás de uma zona menos visível da sala. Claro está que era esse o sinal que todos buscavam. A partir daí, acabaram-se os complexos de jet set e começou o morfes.

 

Consegui, no final, antecipar o modus vegetativus gordini em que entraremos em menos de 30 dias. O teste está feito.

 

O tempo que passámos na Pastelaria Batalha foi excepcional, em boa companhia e com boa comida, a ser guiados por todas as pecaminosas delícias pelo João Batalha, o proprietário.

 

Para quem, como eu, não sonhava que tamanha maravilha deste mundo gastrófilo lisboeta se concentrava numa pequena porta do Largo Camões, fica a certeza de que lá voltaremos em breve. 

 

Mesmo que o Triptofano tenha, de novo, de trabalhar.

 

O Cara-Metade

 

Pastelaria Batalha - Primeiro Lanche de NatalPastelaria Batalha - Primeiro Lanche de NatalPastelaria Batalha - Primeiro Lanche de NatalPastelaria Batalha - Primeiro Lanche de NatalPastelaria Batalha - Primeiro Lanche de Natal

 

 

Pastelaria Batalha Menu, Reviews, Photos, Location and Info - Zomato

10 comentários

Comentar post

Mais sobre mim

foto do autor

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2017
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D