Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Triptofano

O teu aminoácido essencial!

Limpar a Pila depois de Urinar: Sim ou Não?

28.11.19, Triptofano!

Sabem aquele momento em que colocam em questão um hábito que perpetuaram durante anos e anos porque aparentemente nem toda a gente faz como vocês?

Isso aconteceu-me na semana passada, quando numa conversa banal entre colegas de trabalho, começou-se a falar da chatice que é as mulheres terem de se limpar sempre que urinam, algo que os homens não fazem.

Ou melhor, pensava eu que os homens não faziam, porque a minha pessoa quando acaba de urinar sacode a piloca vigorosamente, arremessando gotas de xixi em todas as direcções possíveis e imaginárias mas sempre com o cuidado de não acertar nos óculos que depois é toda uma complicação para os limpar, guarda o bicho e segue a sua vida descansadamente.

Só que aparentemente os maridos das minhas colegas limpam todas a pila depois de mijar com um bocadinho de papel higiénico, o que me fez questionar seriamente se seria eu o badalhoco ou se elas é que querem viver iludidas de que tem um homem imaculado em casa.

Limpar a Pila depois de Urinar: Sim ou Não?

Realisticamente acho muito complicado um homem limpar sempre a pila depois de urinar, porque nunca vi nenhum dispensador de quadradinhos de papel junto a um urinol público, por isso um homem a querer limpá-la ou tem de andar com uma caixa de toalhitas esmagada no bolso ou tem de ir com a piloca na mão até uma zona onde haja papel, o que pode ser interpretado como assédio pelos restantes utilizadores da casa-de-banho, o que nos dias de hoje é um perigo, já que as pessoas metem um processo por dá cá aquela palha.

Além disso limpar o pénis com papel é extremamente perigoso para a boa saúde do membro, porque vai haver sempre bocadinhos de papel que vão ficar presos, principalmente se o homem ainda não tiver dado um corte na capota do seu automóvel para ficar descapotável, e esses bocadinhos de celulose podem começar a fermentar e no limite levar a que o membro gangrene e caia.

Por outro lado, a higienização da pila pode ter a vantagem, única e exclusiva no meu ponto de vista, de poupar alguns esgares de nojo no momento do sexo oral.

Não há coisa pior que uma pessoa ir toda satisfeita para fazer um valente broche, já ali mentalizada que vai ficar com boqueiras de chupar com tanta força, completamente convencida que desta vez é que vai conseguir colocar os dentes para dentro para não fazer uma queimadura de primeiro grau naquele pauzão delicioso, e depois sentir o sabor a xixi na boca.

Opá, é o maior corta tesão de todos os tempos, a pessoa está ali entusiasmada e depois vem aquele sabor à boca que quase que dá vontade de rasparmos as nossas gengivas com pedra pomes.

Seria fantástico se alguém criasse uns toalhetes com sabores para a higienização do pénis, de forma a ele ficar simultaneamente livre de potenciais organismos patogénicos e delicioso.

Já me estou a imaginar na farmácia com o meu ar extremamente profissional a perguntar:

Então, hoje prefere que o seu pénis saiba a rosmaninho selvagem, a peru recheado ou a mousse de chocolate? Deixe-me informar-lhe que na compra de três embalagens de toalhetes penianos terei todo o gosto em oferecer-lhe um spray de frutos do bosque para o buraco do cu, sendo que por um valor extra há a opção de ser eu a colocar-lho!

Seria assim atingir o ponto mais alto da minha carreira não acham?

Agora fora de brincadeiras, senhores que visitam o blog e senhoras que tenham homens em casa, como é que é? A pila limpa-se depois de urinar ou é sacudir e toca a andar?