Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Triptofano

O teu aminoácido essencial!

Thai Tuga

26.01.19, Triptofano!

Thai Tuga em 10 segundos: Surpreendam-se com os Thai Spring Rolls, descubram os sabores da sopa Tom Kha, percam a cabeça com o caril vermelho mas não fiquem assustados com a ausência de decoração do espaço!

 

Thai Tuga

 

Não se deixem enganar pelo nome, o Thai Tuga não é um restaurante de fusão entre os delicados sabores tailandeses e a carismática comida portuguesa (apesar de na conta de Instagram haver referência a um Thai B-Tok).

 

É sim um restaurante tailandês onde um dos sócios é originário da Tailândia e outro é um português de gema, que se juntaram para abrir um restaurante quick service de comida Thai.

 

Depois de me ter arrepiado com as últimas avaliações deste novo espaço de restauração no Zomato, decidi encher-me de coragem e aventurar-me numa aventura gastronómica, que muito sinceramente me surpreendeu pela positiva.

 

O restaurante é facilmente reconhecível da rua, primeiro por ser gigantesco, em segundo pela cor roxa da montra, que faz-nos imediatamente lembrar da companhia aérea Thai Airways.

 

Quando entramos ficamos com vontade de voar, mas voar dali para fora e o mais depressa possível.

 

Imaginem um cruzamento entre cantina de hospital com zona de alimentação de um restaurante de fast-food com cenário assustador do Silent Hill.

 

Basicamente é um espaço enorme, sem decoração alguma, com uma simetria perturbadora e uma luz branca que nos impele a comer o mais rapidamente possível.

 

Thai Tuga

 

Senti-me desconfortável enquanto esperava pela minha refeição porque o espaço consegue a proeza de ser enorme mas de nos sufocar, além de estar sempre alerta porque não sabia quando é que um zombie podia surgir sem aviso e eu ter de usar as minhas capacidades inexistentes de muay thai para me defender.

 

Provavelmente não havia nenhum zombie assassino escondido no Thai Tuga, mas se por acaso existia quando a comida chegou esqueci-me completamente dele.

 

Os Thai Spring Rolls foram os primeiros a chegar à mesa e a serem aprovados com distinção.

 

Com uma massa que podia estar apenas ligeiramente mais fina, estes spring rolls não estavam oleosos, eram bastante estaladiços e o recheio de legumes frescos, noodles vermicelli e pasta de frango e camarão era muito saboroso, havendo uma proporção correcta entre massa e recheio.

 

Thai Tuga -Thai Spring Rolls

 

O Tom Kha, uma sopa de coco e frango, reconfortava a alma e o estômago.

 

Dou mérito ao facto de terem usado nesta sopa produtos como o galangal ou a lima keffir, que não são muito fáceis de encontrar em Portugal, mas que conferiram um sabor que me fez automaticamente relembrar a minha visita à Tailândia.

 

É certo que os cogumelos paris utilizados na sopa estão a anos-luz dos originais enoki, mas compreendo a dificuldade em arranjar os segundos e não foi essa mudança que desvirtuou a essência da sopa.

 

Achei somente que ela estava um pouco de nada demasiado doce, talvez devido ao leite de coco utilizado ou ao açúcar adicionava, e que lhe faltava vir acompanhada com pedaços de lima para podermos espremer na hora e dar um toque de acidez cítrica refrescante.

 

Thai Tuga - Tom Kha

 

Para prato principal vieram dois tipos de caril.

 

O caril amarelo servido com camarão estava delicioso, e é a escolha mais segura para quem não se quer aventurar demasiado nos sabores exóticos tailandeses.

 

Além de não ser picante combina a quantidade certa de exotismo com a de segurança, para todos aqueles que possuem palatos mais conservadores.

 

Thai Tuga - Caril Amarelo

 

O caril vermelho servido com frango foi o prato vencedor da noite.

 

Com a dose certa de picante, este caril que continha courgete e abóbora (algo que normalmente não se encontra no prato tradicional mas que o tornou ainda mais saciante e saboroso) fez delirar as minhas papilas gustativas, mostrando-me que quem está na cozinha sabe o que está a fazer.

 

Mais uma vez este caril não veio acompanhado com lima, mas quando requisitada foi-nos prontamente trazida, por isso recomendo-vos que caso precisem não hesitem em pedi-la, porque é um detalhe que eleva ainda mais o prato.

 

Thai Tuga - Caril Vermelho

Thai Tuga - Caril Vermelho

 

Quanto às sobremesas não experimentei nenhuma porque não havia nada tradicional da Tailândia por onde escolher, e eu que estava com desejos de um arroz glutinoso com manga não consegui ficar cativado pela mousse de chocolate ou pela serradura.

 

Não podia terminar sem fazer alguns apontamentos positivos e outros não tanto.

 

Primeiro tenho de congratular a limpeza do espaço que estava imaculado.

 

A cozinha então estava tão resplandecente que dava vontade de nos sentarmos no chão e comer directamente dele.

 

Thai Tuga

 

O atendimento também tem uma nota muito positiva, porque apesar de precisar de um bocadinho mais de treino foi extremamente simpático e notava-se que havia vontade em agradar e em bem servir.

 

No aspecto mais negativo senti que havia detalhes que já deviam ter sido resolvidos, como por exemplo não haver uma placa a indicar a direcção da casa-de-banho, o que leva uma pessoa a ficar meio perdida! (vocês podem achar que isto é ser picuinhas mas quando visitarem o espaço vão perceber do que eu falo).

 

Também o facto dos preços do jantar serem diferentes dos do almoço e não haver nenhuma referência a tal deixou-me ligeiramente desagradado.

 

É verdade que quando nos sentamos entregam-nos um menu com os preços dos pratos mas quando olhamos para os valores expostos na parede dos mesmos pratos eles não coincidem.

 

Uma simples referência a essa diferença evitaria o pequeno amargo de boca com que fiquei.

 

Thai Tuga

 

Se procuram comida genuinamente tailandesa com bastante sabor e a um preço acessível vale a pena a visita ao Thai Tuga.

 

Não deixem é que o espaço vos impeça de desfrutar uma fantástica refeição, nem que para isso tenham de fazer a vossa visita em modo Bird Box!

 

Thai Tuga

 

Thai Tuga Menu, Reviews, Photos, Location and Info - Zomato