Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Triptofano

O teu aminoácido essencial!

Problemas Anais

16.01.19, Triptofano!

Eu enquanto farmacêutico gosto de ir ao fundo da questão.

 

Não me contento em receber uma receita, enfiar uma data de caixinhas dentro do saco, e dar um sorriso e um adeus até à próxima.

 

Sempre que há possibilidade gosto de falar com as pessoas, fazer perguntas, ouvir as respostas e aprender algo novo, ao mesmo tempo que tento ajudar na medida do possível a pessoa que tenho à frente.

 

Ora quando eu falo de ir ao fundo da questão implica por vezes fazer perguntas mais sensíveis e pessoais, mas obviamente que tenho o bom senso de perceber pela conversa o tipo de pessoa que tenho à frente e quando mando "a bomba" fazer o ar mais fofinho e inocente de sempre, e não um ar assustadoramente pervertido.

 

Ontem uma senhora veio aviar uma receita com umas pomadas para a zona anal, e eu presumi imediatamente que fosse alguma hemorróida.

 

Conversa puxa conversa acabei por descobrir que não lhe tinham diagnosticado nem hemorróidas nem nenhuma fissura anal, mas sim uma extrema sensibilidade e secura na pele perianal que além de lhe provocar gretas, causava-lhe comichão e dor, diminuindo em muito a sua qualidade de vida.

 

A pobre da senhora contou-me que desde há dois anos para cá que tem este problema, sendo que foi aconselhada pelo médico a deixar de usar papel higiénico, a lavar-se com água tépida e com um óleo hidratante, e a secar-se com o secador.

 

Quando ela faz todos estes rituais certinhos a coisa melhora bastante, mas quando se começa a desleixar a sensibilidade volta a infernizar-lhe a vida.

 

E sejamos honestos, em casa até é fazível ter estes cuidados todos, mas já imaginaram no trabalho uma pessoa ter de ir com o secador atrás sempre que quisesse ir esvaziar o intestino?

 

Estivemos um bom bocado à conversa, abordando temas desde a alimentação, a parasitas nas fezes, passando pela prática de sexo anal (aqui foi o momento "bomba" mas que a senhora recebeu com extrema naturalidade) sempre na tentativa de percebermos se havia algo que pudesse ter escapado ao diagnóstico médico e que lhe permitisse pelo menos atenuar o problema.

 

Até que ela se lembra que há uns anos tinha feito depilação a laser na zona anal, e provavelmente coincidia com o aparecimento dos sintomas, mas não podia garantir a 100%.

 

Para mim tenho aquele feeling que foi o laser que causou os danos na pele perianal da senhora, mas como nunca me submeti a esta técnica de depilação queria uma ajuda vossa.

 

Alguém já fez depilação nesta zona anatómica ou conhece quem o tenha feito?

 

Ficaram com sensibilidade ou secura na pele?

 

Se sim como é que resolveram o problema?

 

Toda a ajuda que puderem dar a este pobre farmacêutico é bem-vinda de forma a poder melhor a vida de uma utente!