Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Triptofano

Como ser 20% mais feliz?

06
Jan18

O melhor restaurante de Fast-Food de Lisboa


Cada vez mais, para mim, ir a um restaurante não é apenas ir à descoberta de comida fantástica, mas querer vivenciar uma experiência que nos faça lembrar daquele sítio durante muito tempo.

 

Quantos restaurantes que confeccionam alimentos de forma imaculada não ficam abandonados ao esquecimento porque no fim são apenas locais que vendem alimentos confeccionados de forma imaculada?

 

E quantos não são votados às más-línguas não por causa da qualidade da comida, mas pelo mau profissionalismo dos empregados, que nos tratam como se nos estivessem a fazer um favor em nos servir?

 

Por outro lado, há aqueles locais, que conseguem transformar a degustação de um prato banalíssimo, numa experiência digna de recordação, devido a perceberem que o acto de comer deixou de ser uma satisfação de uma necessidade básica para se transformar numa procura sensorial da melhor refeição digna de uma avaliação de cinco estrelas numa qualquer rede social.

 

A isto chama-se de Efeito Halo, quando algo simples reveste-se de uma elevada carga simbólica positiva, porque todas as outras variáveis estavam alinhadas com os astros para nos proporcionarem um momento fantástico.

 

Como quando bebemos um copo de sangria barata num bar mas estamos a assistir ao mais fantástico pôr do sol dos últimos anos. O que vamos recordar não é o incrível pôr do sol, mas sim o incrível copo de sangria requintada que bebemos ao ver o excepcional pôr do sol.

 

O Penta Café, situado em pleno coração de Lisboa, na rua Áurea, pegou num conceito simples mas elevou-o a um nível difícil de copiar.

 

WP_20180106_12_57_09_Pro.jpg

 

Neste café, o ex-libris são as tostas a metro, mas o que faz as pessoas voltar é a simpatia de todos os que lá trabalham. Especialmente da dona, que percebe que o sucesso de um negócio é fazer sentir cada cliente único, importante, valorizado - não apenas mais um que está ali para ser servido o mais depressa possível para dar lugar a outro.

 

Mas o que torna este o melhor restaurante de Fast-Food de Lisboa é a maneira como a ementa é apresentada.

 

Um verdadeiro monólogo literalmente cantado, onde cada tosta é descrita até à exaustão, de uma forma tão peculiar que é impossível não se soltarem uns risos nervosos, por mais vezes que já se tenha ouvido a cantilena.

 

A acompanhar imprevista apresentação, uma régua de metro, dividida em secções de 5 centímetros, de forma ao cliente ficar elucidado sobre que tamanho de tosta deverá pedir.

 

São permitidas combinações - no meu caso, e como tenho um valente apetite, foram 20 cm de bacalhau e 20 cm de Action com alheira grelhada (a dividir com o cara-metade claro). Se porventura os olhos forem maiores que a barriga, é possível mandar embrulhar, menos a de pasta de atum, que deve ser consumida no prazo máximo de uma hora, informa com olhar sério a proprietária.

 

WP_20180106_14_05_25_Pro.jpg

 

E para beber?

Variadas são as opções, mas a mais acertada é seguramente o sumo natural, feito no momento.

 

E aqui novamente uma lista quase interminável de frutos é-nos cantada. Podem-se fazer combinações de dois frutos, que perante a indecisão do cliente são apresentados aos pares pela dona cantora da forma como casam melhor.

Única excepção é a romã, que parece ter nascido para viver solteira.

E se por acaso nos lançamos numa combinação de frutas que não joga bem com a nossa tosta, somos avisados que talvez seja melhor trocar-se, o sumo ou em último caso a tosta - tudo em prol do nosso palato.

 

WP_20180106_13_18_01_Pro.jpg

Sumo de dióspiro e ananás e de dióspiro e banana

 

Findada a refeição o café é sempre brindado com um pequeno pedaço de bolo, de forma a promover a doçaria da casa.

 

Os mais gulosos podem sempre pedir bolo a metro - 5 centímetros é uma fatia de um tamanho descomunal, a um preço extremamente convidativo - ou um palmier maior que um prato de refeição, perfeito para dividir ou para guardar para um momento especial (como se fosse preciso haver momentos especiais para se comer coisas doces!).

 

IMG_20180106_150958.jpg

Bolo de Papaia e Limão

 

Para aqueles que comer quantidades colossais de pão não é o seu maior sonho, não coloquem este lugar fora do vosso itinerário.

 

Também há sopas - a litro claro!

44 comentários

Comentar post

Mais sobre mim

foto do autor

Sigam-me

Follow

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2017
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D