Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Triptofano

Como ser 20% mais feliz?

17
Out17

Escapei por um triz!


"A polícia anti-drogas tem andado a investigar e a seguir os passos de um importante e perigoso narcotraficante que, recentemente, fugiu da prisão. Foram dadas informações acerca da existência de um novo esconderijo e foi necessária a investigação para recolha de provas.
Porém, ele voltou a escapar e os capangas que trabalham para ele estão a caminho para se livrarem de todas as evidências.
Tu e a tua equipa, uma brigada especial de intervenção, serão enviados ao local para tentarem recolher as provas deixadas. Têm apenas 60 minutos até que eles cheguem.

Será que conseguem recolher todas as provas nesse tempo?

Vão conseguir escapar antes que eles cheguem?"

 

 

 

Este foi o mote do Escape Game Esconderijo de Escobar desenvolvido pela Mystery Escape Game que eu e o cara metade, e mais duas amigas, participámos aquando a nossa ida relâmpago ao Porto.

 

Para quem não sabe em que é que se baseia a experiência, basicamente é uma adaptação à vida real dos jogos de point and click com o mesmo nome, onde somos colocados numa sala e temos de procurar pistas, revirando tudo e mais alguma coisa, para conseguir sair do quarto em tempo útil.

 

Se valeu a pena o dinheiro e tempo investidos?

Sem sombra de dúvida.

 

Primeiro a equipa da Mystery era extremamente simpática, colocaram-nos logo à vontade, cinco estrelas mesmo.

Depois a experiência foi fenomenal.

No início fiquei ligeiramente desiludido porque pensei que o jogo se resumisse a uma sala, mas quando começámos a desvendar códigos e a abrir portas descobrimos mais divisões e aquilo que eu pensei ser canja começou a tornar-se um verdadeiro pesadelo, porque o tempo passava e nós continuávamos a ter de enfrentar cadeados, e puzzles e sei lá mais o quê. 

 

Agora uma curiosidade sobre mim - sabem aquela pessoa que existe em todos os grupos que é ligeiramente mais stressada que os outros e basicamente está quase a ter um AVC porque o resto da equipa em vez de se concentrar em resolver a pista que tem em mãos decide ir espreitar debaixo do sofá?

 

Essa pessoa sou eu!

 

Havia um enigma que para ser resolvido tinha-se que usar o olfacto. E eu mandei logo o cara metade para cima do acontecimento, afinal ele é que tem esse sentido mais apurado. Ao que ele me responde que não conseguia porque estava entupido! Se vocês vissem o olhar que eu lhe mandei - está uma pessoa a tentar salvar a pele e não levar um balázio no físico e o menino queixa-se que tem com o nariz congestionado? Garanto-vos que se houvesse um aspirador nasal ao meu alcance que lhe chupava a ranhoca toda dos seios perinasais só para ele se deixar de coisas.

 

Após uma experiência endoscópica, a utilização de luz negra, quedas, muitos gritos, números vistos ao contrário e um ataque de risos por causa dos nervos por parte do cara metade que me deixou a mim ainda mais stressado conseguimos sair com o maravilhoso tempo de 58 minutos e 42 segundos.

 

Conseguimos escapar, mas foi mesmo por um triz!

 

22405636_1994952384058236_2922441646936284633_n.jp

 

 

 

O LEITOR DECIDE.png

Já votaram na próxima história? Basta carregarem na imagem acima!

 

 

18 comentários

Comentar post

Mais sobre mim

foto do autor

Sigam-me

Follow

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2017
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D